Morte II: a volta dos que não foram!

30 set

Há algumas semanas escrevi sobre a morte e, como sei que tudo o que perguntamos a resposta vem na hora certa, nas semanas seguintes tive várias pequenas respostas para o tema! O filme que falo no texto anterior já foi uma das respostas e, não curiosamente, dias depois, em uma conversa sobre o sentido da morte, no ápice de um diálogo bem filosófico, do nada, saiu da minha boca: “A morte é a resposta para a vida”!

 Eu e a outra pessoa ficamos impressionadas com o poder da frase, pois essa é a mais pura verdade! A morte nos lembra da importância de estarmos vivos e de aproveitar cada minuto com intensidade! A resposta que ambas buscávamos veio de mim sem eu mesma saber que a tinha e essas palavras mágicas mudaram bastante nossas vidas! E é isso caro leitor: use o fato da morte ser inevitável para viver plenamente, sem rancores, julgamentos, e outras pequenas bobagens que tiram sua paz de espírito! Lembre-se o quanto você é abençoado em muitos aspectos, celebre sua vida!! Ame, cante, seja autêntico (lembre-se, esta é a semana da autenticidade)! Celebrar a vida!! Delícia né?!

 A terceira resposta chegou logo depois, no livro A Roda da Vida (de Elisabeth Kubler-Ross) que recebi de presente de aniversário de uma amiga-irmã! Elisabeth é uma médica famosa mundialmente por seus livros e palestras sobre a morte, tema que ela estudou/ensinou por anos! O livro é uma auto-biografia maravilhosa, um exemplo de vida, pois Elisabeth foi sempre guiada por seu coração e ajudou milhares de pessoas ao longo de sua caminhada. Ela fala bastante sobre a morte e publico aqui as passagens que penso serem as mais belas, porque vem de conclusões da autora após conversas que ela teve com pessoas que experienciaram a morte, mas voltaram para seus corpos (gente que foi reanimada principalmente em hospitais, mas que ficou sem nenhum batimento cardíaco ou sinal vital por uns bons minutos). Aqui vai:

 “Todas as pessoas passam por dificuldades na vida. Algumas são grandes e outras não parecem tão importantes. Mas são lições que temos de aprender. Fazemos isso também das escolhas, das opções. Para se ter uma boa vida, e consequentemente uma boa morte, digo para as pessoas para fazerem suas escolhas tendo em vista o objetivo do amor incondicional e perguntando a si mesmas: “Que serviços estou prestando?

 A capacidade de fazer escolhas é a liberdade que Deus nos deu, a liberdade para crescer e amar.

 A maior dádiva de Deus para nós é a livre escolha. Nada é por acaso. Tudo na vida acontece por uma razão positiva.

 A única finalidade da vida é crescer. A suprema lição é aprender como a mar e ser amado incondicionalmente.”

 Lindo e profundo, não?! Espero que tenha iluminado suas idéias tanto quanto iluminou as minhas! Beijo no coração, siga na autenticidade e Namastê!

Anúncios

3 Respostas to “Morte II: a volta dos que não foram!”

  1. Helga 30 de setembro de 2010 às 11:52 am #

    Oi Lívia, além de tudo que vc colocou muito bem sobre como lidar com a morte e a vida, uma coisa muito importante que não me deixa calar, é que nós sobrevivemos à morte, como espíritos, e sabendo disso é justo dizer que aquilo que realizamos e plantamos em vida, nos segue em morte. Todos os aprendizados, as experiências, os sentimentos, as qualidades e defeitos e nossos amigos e inimigos (palavra forte demais), por isso para mim é essencial levar em consideração tudo aquilo que compartilhamos aqui na Terra. Nosso espírito após a morte é o fruto daquilo que fomos vivos. Desculpe trazer comentários espirituais sempre em minhas respostas, mas não sei ver a vida de outra maneira. Para mim é tudo uma coisa só. Obrigada mais uma vez pelo post. Um beijo.

  2. Fabi Marques 30 de setembro de 2010 às 11:53 am #

    Uau. Melhor do que as frases do livro, foi a sua”a morte é a resposta para vida”. Muito bom deusa. beijos

  3. ony2005 3 de outubro de 2010 às 9:23 pm #

    Sabe, pra mim os sonhos são os pontos mais próximos que conseguimos atingir quando o tema é morte, ou melhor, o que vem depois dela.

    Não quero ficar fazendo propaganda do meu blog, mas quando vi o trailer do filme Nosso Lar fiz um post e contei o seguinte.

    “Por muito tempo me questionei e por causa disso mentalmente me perguntava se tal Deus realmente existia, não sabia o que era fé, mas por outro lado sempre acreditei em espíritos e principalmente na alma.

    Ao longo de alguns meses tive três sonhos em que suas partes se ligavam. Neles me via em um ambiente cinza e chuvoso, nesse lugar uma igreja estava em construção, mas nesse momento o que chocava era a morte de uma garota muito querida por todos. Eu era apenas um dos vários que estavam no local, mas apenas mais dois conseguiam ver que a mesma menina estava de pé ao lado do seu corpo, apesar disso essas pessoas assim como eu não sabiam o que fazer, diante dessa situação me vi tomando a atitude mais inesperada do universo. Fui até a garota e disse:

    Você tem duas escolhas, ficar aqui nesse lugar ou ir para lá.

    Quando disse isso apontei para o céu e no meio daquele ambiente cinzento as nuvens se abriram mostrando um caminho entre elas onde 12 sinos dourados e uma espécie de templo deixavam claro que algo mais existia. Quando olhei de volta para a garota vi apenas uma luz azul indo em direção ao céu.

    Para vocês ou outras pessoas isso talvez não faça sentido, mas vi e senti que aquilo ali pode ser a resposta para tudo o que eu sempre questionei, mesmo eu tendo religião ou não.

    O fato é que algo além disso existe e quando chegar a hora de cada um essas informações e esses caminhos serão revelados.

    Ainda não assisti esse filme, não sei se é bom ou se vou me decepcionar, mas deixo o trailer dele para vocês como curiosidade e como uma representação de algo que vi e que agora sei que existe.”

    Abraços.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: