Lobão – o louco sensível

21 set

Para quem acompanhou a trajetória de Lobão com certo distanciamento, como eu, o livro autobiográfico ( Lobão: 50 anos a mil) traz revelações incríveis.

A vida de Lobão rendeu um livro  de mais de 500 páginas,  são tantas passagens e loucuras que em alguns momentos parece inverossímel. Aí entra o trabalho do jornalista Claudio Tognolli, que anexou ao relato documentos e matérias que comprovam as histórias narradas pelo músico.

Eu não sabia ( ou tinha esquecido) que ele fez parte da primeira formação da banda Blitz , mas acabou saindo antes do lançamento do disco.  Lobão começou a tocar aos 3 anos e aos 17 virou músico profissional.  Apesar de muito louco em todos os sentidos, o cara é brilhante como músico e conhecer sua trajetória é também conhecer a trajetória do rock brasileiro dos anos 80 e 90.

Apesar de seus hits ( Me chama, Vida Bandida, Rádio Blá, etc), o músico parece ter sofrido uma espécie de maldição e nunca conseguiu estourar nas vendas de seus discos. No livro dá pra entender a jornada da criação de seu selo independente e até simpatizar com a causa.

Ele também explica a antiga pendenga com Herbert Vianna de forma madura e lúcida. Assim como todas as outras polêmicas, como a prisão, as brigas com as gravadoras  e com as bandas da qual fez parte. Desfaz a imagem caricatural de Lobo Mau- brigão e polêmico- para mostrá-lo na verdade como um cara genial e doce, cujo único mal  foi ter sido muito louco ( hoje não usa mais drogas pesadas).   Além disso, mostrou o lado romântico incurável, já que Lobão passou anos se apaixonando perdidamente, emendando um relacionamento no outro, até encontrar a mulher da vida dele, Regina, com quem está casado até hoje.

Devorei o o livro ( na versão digital TOSCA da Saraiva -cheia de bugs) em 4 dias.  Mas tenho algumas reclamações a fazer. Na minha opinião faltou um editor. A narração pula de uma história para a outra sem aviso. Informações de datas dadas pelo autor em uma história, são desmentidas em seguida pelas matérias anexadas.  Ele mesmo se confunde e se perde no tempo, uma hora diz que foram três semanas, outra que foi numa semana só. Não consegui até agora saber quanto tempo ele ficou preso, pois no livro há umas três versões. Além disso, muita informação é jogada, incompleta,  e a gente tem que preencher as lacunas no youtube ou no google . É como se estivéssemos dentro do cérebro doidão do músico, que dispara sua metralhadora de pensamentos sem pausa.

Além disso, muitas matérias anexadas falam exatamente a mesma coisa, o recurso acaba cansando.

Ainda assim, é leitura recomendada para quem gosta de rock ou quer saber mais sobre a música nos anos 80 e 90.

Curiosidades:

– Lobão namorou a Monique Evans

– Ele tentou se matar mais de uma vez

– Quando João Gilberto ligou para ele pedindo para regravar o sucesso Me Chama, ele estava completamente chapado e quase não entendeu a conversa

– Lobão se apresentou no Faustão no domingo de eleições presidenciais em 89 e cometeu um crime eleitoral ao pedir ao público que votasse no Lula

– Foi ele que criou o nome Blitz para a banda

– Ele foi apaixonado pela Marina Lima, mas por motivos óbvios não rolou nada

– Esse clipe abaixo foi gravado pela Globo no tempo que Lobão passou preso por porte de drogas

E aqui o vídeo dele no Faustão

Anúncios

4 Respostas to “Lobão – o louco sensível”

  1. Juliano caceres 21 de setembro de 2011 às 3:36 pm #

    Pela primeira vez li um livro por tabela, pois minha esposa devorou e me contou tudo enquanto eu era motorista na nossa viagem para Campos no final de semana.

    • Fabi Marques 21 de setembro de 2011 às 3:39 pm #

      hahaha, gostei da experiência, podemos fazer mais vezes. Vc me empresta o Ipad e eu leio pra vc, rs

  2. Pati PIva 22 de setembro de 2011 às 10:34 pm #

    Fiquei curiosa para saber qual era a pendenga com Hebert? Conta vai?!
    mas deu mesmo mega vontade de ler o livro!
    bjs

  3. Luís 23 de setembro de 2011 às 8:33 am #

    “A Vida é Doce”, o disco com o qual ele rompeu com o “sistema”, é muito, muito foda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: