Arquivo | janeiro, 2012
Imagem

Original

31 jan

Estou aqui para questionar

Porque aceitação cega

De regras, valores e costumes

É filha da ignorância

Espinha ereta

Olhos e ouvidos abertos

Vejo o que os outros não querem ver

Escuto meu coração

Faço minhas regras

A verdade é minha Lei

Barulho é fuga

Silêncio é essência

Me deixo ser.

E você?

 ————————————————————————————————

Seu julgamento sobre mim

É um espelho da minha sombra.

Obrigada por me mostrar

O quanto ainda tenho de caminhar

E as amarras que me presenteei

E me separam da verdade.

Anúncios

Don´t Get Me Wrong

24 jan

Não vou tentar enganá-los. Esse post é uma tentativa de amenizar a falta de posts de minha autoria nesse humilde blog. A vida está corrida, mudei de emprego, meu filho está de férias e neste exato momento estou no Rio de Janeiro (e bem longe da praia). Mas prometo que para a felicidade geral da nação ( ou não) assim que fevereiro começar eu volto com toda força.

Escolhi essa música do Pretenders (1986) que acho a coisa mais fofa desse mundo. Não consigo parar de cantar e me imaginar num videoclipe. Se eu a tivesse conhecido quando tinhas uns 16 anos ela teria sido meu hino, hahaha. Também adoro a Chrissie Hynde e seu jeitão todo peculiar de ser. Confiram o clipe para entender o que estou querendo dizer.

Enjoy!

 

A letra:

 

Don’t Get Me Wrong

Don’t get me wrong
If I’m looking kind of dazzled
I see neon lights
Whenever you walk by

Don’t get me wrong

If you say hello and I take a ride
Upon a sea where the mystic moon
Is playing havoc with the tide
Don’t get me wrong

Don’t get me wrong

if I’m acting so distracted
I’m thinking about the fireworks
that go off when you smile

Don’t get me wrong

if I split like light refracted
I’m only off to wander
across a moolit mile

Once a while

two people meet

seemingly for no reason
they just pass on the street
Suddenly thunder showers everywhere
who can explain the thunder and rain
but there’s something in the air

Don’t get me wrong

if I come and go like fashion
i might be great tomorrow
but hopeless yesterday

Don’t get me wrong

if i fall in the mode of fashion
it might be unbelievable
but let’s not say so long
it might just be fantastic
don’t get me wrong
Na minha busca youtubística achei essa versão de Creep ( clássica do Radiohead) by Chrissie Hynde  que também é bem legal.

Envelhecer com Dignidade: você consegue?

13 jan

Você é daquelas (ou daqueles) que compra todo creme novo que promete milagrosamente remover as rugas do seu rosto? Ou já está planejando, ou realizando, aplicações de botox pra manter tudo up? Ou economizando dinheiro pra fazer aquela recauchutada (mama-barriga-quadril)? Bem, estou segura que você não está sozinha (o) nessa empreitada, mas gostaria de conversar hoje sobre a arte de envelhecer com dignidade (não que o citado acima retire a dignidade… depende de você). Estou inspirada para falar sobre esse assunto por dois motivos: primeiro porque vivemos em uma sociedade obcecada por jovialidade e totalmente sem noção no quesito envelhecimento (o que faz com que Ana Maria Braga, Hebe, Marisa (Lula) e Vera Fisher pareçam a mesma pessoa). Segundo, porque passei alguns dias com minha mãe e fiquei mega orgulhosa de ver como ela está envelhecendo com tranquilidade e inteligência.

Comecemos pela realidade da situação: envelhecer é fato, não tem como fugir. Saiu da barriga da mãe, respirou, já está envelhecendo!!! O processo de morte das células e de “desaceleração” das atividades do corpo que nos “mantém jovem” é inegável, principalmente se você passou dos 30, como eu. Então, porque tentar negar, bloquear ou remediar algo que vem de dentro da gente? E mais! Caro leitor (a), sejamos honestos: de nada adianta se entupir de cremes se você fuma, bebe, come fritura, carne, doces (esse eu como vai, ui ui…), não se exercita e, principalmente, passa o dia xingando terceiros ou reclamando da vida!

Se você quer retardar o envelhecimento, te passo a receita mais quente do momento (e comprovada por vários cientistas): alimente-se muuuito bem, faça atividade física diariamente e, acima de tudo, esteja de bem com a vida! Estresse é o pior fator de envelhecimento e para esse não existe creminho não!!! Toda vez que você xinga alguém, reclama da vida ou tem pensamentos negativos, seu corpo libera hormônios que aceleram o envelhecimento! Então tá combinado: começou o drama, pare na hora e pense nas rugas filha (o)!!! Funciona que é uma beleza!

E procure atividades que retardem o envelhecimento! Claro que vou fazer a propaganda básica da meditação e yoga né! Um dos professores de yoga mais famosos do mundo é o brasileiro Dharma Mittra. Ele tem 73 anos e vou te falar que o que ele faz com o corpo eu estou longe de fazer viu! Yoga e meditação provocam o efeito contrário do estresse no corpo, ou seja, liberam hormônios que combatem o estresse e o envelhecimento! Melhoram a circulação, a capacidade cardíaca, a elasticidade dos músculos e da pele. São uma benção, como gosto de falar.

Encerrando com minha mãe. Perto dos seus 62 anos, ela tem mais energia do que eu tenho, um corpo super em forma e uma luz interna e externa que poucas vezes vi em mulheres da idade dela. Por que? Por vários motivos: ela se alimenta muito bem (come, em media, 3 tipos de frutas e vegetais diariamente), se exercita constantemente (pilates e caminhada), e está de bem com a vida! É claro que ela também usa os creminhos mágicos (by the way, eu também uso viu!), mas seu contentamento interno é que faz o efeito. Nunca a vi reclamando que está ficando velha, saudosa do seu corpo nos velhos tempos, exagerando na maquiagem ou bijuteria pra parecer mais nova, ou nada do tipo. Ela segue íntegra, digna, sabendo que sua beleza existe em cada fase da vida. É um exemplo de vida e um orgulho muito grande pra mim! Observe sua relação com o tema envelhecimento. Questione a necessidade de seguir as regras e valores de uma sociedade de consumo vazia. E faça do seu envelhecimento seu maior presente, pois não existe nada como o efeito calmante da maturidade! Beijo no coração e Namastê!

2012 e Sua verdade

2 jan

Feliz 2012 querido leitor! Que esse ano, mais do que suposições de fim de mundo ou de ataque de extraterrestres, acorde dentro de vocês uma vontade doida de SER o seu MELHOR, e SER a sua VERDADE. Acho que eu falo isso sempre aqui né, mas não custa relembrar em janeiro! Eu fui minha verdade desde os primeiros minutos de 2012, pois na passagem do ano estava meditando com amigos queridos. Não bebi, não usei vestido justo e salto-alto, não tirei dezenas de fotos com taça de champanhe na mão, não vi os fogos, mas adoro ver fotos de pessoas que fizeram tudo isso (e não tenho qualquer julgamento negativo sobre!!) ! Cada um se diverte de sua forma e, como já dizia Pessoa (um fofo) “tudo vale a pena quando a alma não é pequena” !

Meditar era meu único desejo para a noite de 31 de janeiro… Meditar para criar um mundo melhor, para ajudar outros (e eu mesma) a desenvolver a consciência em prol da evolução, para acalmar o coração e a alma na ausência dos meus pais e dos amigos queridos do Brasil, para pedir perdão e me perdoar pelas minha falhas em 2011, para lavar a alma de alegria, amor, luz e paz, para acordar dentro de mim a coragem e energia para seguir lutando pelo o que acredito, para lembrar quem realmente sou e que, assim como você, sou espírito de luz e sou uma com o mundo todo!

Espero que você siga lendo minhas idéias maluquinhas e minhas aventuras não menos malucas em 2012. E que comente muito, reclame, elogie, discorde, dê idéias! Manifeste-se!! E agradeço desde já sua presença em 2011 e em 2012!! Que a verdade seja e esteja sempre com você! Beijo no coração e Namastê!

%d blogueiros gostam disto: